Pensamentos Divergentes: Timidez

Por - janeiro 30, 2013


Muitos dizem que é charme, bonitinho, outros acham ridículo e bobo, outros fazem parte do grupo que sofre com a famosa timidez.


pensativa, pensando, thinking, o pequeno lírio, claudia hi, claudinha

Esse texto é muito especial pra mim e achei bem difícil publicar, pois muitas das coisas que escrevi aqui nunca foram compartilhadas com ninguém. Sou tímida desde que me conheço por gente. Não me orgulho e não fui eu que escolhi ser assim. Pra mim é um tormento ser tímida, principalmente porque sou muito, muito tímida mesmo! E às vezes até pareço ser esnobe por não falar com algúem, mas eu tenho vergonha até de olhar nos olhos das pessoas. Sei que pra quem não é tímido ou é apenas em eventos distintos pode parecer bobo falar assim. Afinal, como uma pessoa pode sofrer tanto com isso? Bom, vou tentar contar minha história. Isso será bem constrangedor, mas acho que será importante para as pessoas que tiverem o mesmo problema que eu perceberem que não são os únicos que sofrem com a timidez.

Acho que minha infância foi a época mais light da minha vida. Mesmo com um pouco de vergonha eu sempre ganhava um empurrãozinho de alguém e sempre conseguia me juntar as outras crianças e brincar. As vezes eu tinha uns colapsos quando chorava pois não conseguia explicar o por quê. Era um desespero para os professores pois eles não sabiam o que eu tinha, como iriam reagir?

Na pré-aborrescencia, ops! Pré-Adolescência, foi a pior época da minha vida.  Eu fui estudar com a minha prima, um anjo que caiu do céu pra mim, pois as pessoas achavam que eu era muda, ou tinha algum transtorno psicológico porque eu tinha tanta vergonha que não conseguia conversar com ninguém, nem com os professores. Eu tinha vergonha até de sorrir, de dar risada, de andar, de pedir pra ir ao banheiro. Eu tinha vergonha até de olhar para o lado e a pessoa achar que eu era bisbilhoteira. Nessa época eu estava numa fase meio rock and roll, mas eu tinha vergonha de usar lápis nos olhos, calça larga e umas correntinhas. Então, basicamente eu tinha duas personalidades. Na escola eu era a cara lavada que não tinha reação a nada, e fora eu era roqueira. E eu tenho que frisar que não sofri bulling. Ah um pouquinho, mas nada de mais, sério, o pessoal na verdade era bem bacana. Mas eu era uma retardada que não conseguia expressar os mais simples sentimentos de um ser humano normal e minha prima virou um tipo de ponte pra mim, pois eu só falava com ela.

Na adolescência propriamente dita, eu mudei de escola. Mas minha timidez continuava. Morria de vergonha de apresentar trabalho. Minhas mãos suavam e meu corpo todo tremia. Não conseguia falar coisa com coisa e só olhava para a janela. Eu não tinha muitos amigos (e pra ajudar, nunca fui uma boa amiga), mas foi lá que encontrei uma amiga que posso chamar de amiga. Daquelas que você quase não vê, mas quando vê, não consegue parar de falar. Enfim, essa é outra história!rs

Bom, hoje eu sou “adulta”, digamos assim, estou na faculdade e já consigo ter uma conversa normal com todos certo?! Errado! Eu ainda tropeço, erro e meto a cara na parede toda vez que tento ir muito além. Às vezes sinto que algo sempre me puxa pra onde estou, e que nunca vou conseguir vencer essa timidez. Mas eu posso dizer que melhorei muito e que a cada dia tenho minhas pequenas vitórias. O que não significa nada pra uns significa muito pra mim. Um simples olá para alguém que você só vê de longe, uma gargalhada no meio da multidão, uma conversa entre um grupo de amigos, um post com acontecimentos pessoais, publicar fotos do meu rosto...pequenos detalhes que me deixam contente por indicar que estou evoluindo! Mesmo que eu ainda prefira ficar em casa nos fins de semana e ainda tenha receio de cumprimentar as pessoas no meu dia-a-dia sei que com o tempo vou conseguindo ultrapassar esses obstáculos. É só não ter pressa e não forçar muito fazendo algo que você realmente não queira.

Ufa! Me sinto aliviada de ter compartilhado isso com vocês! Espero que não pensem que sou louca!rs

Até a próxima!
Beijos!

Veja Também

3 comentários

  1. Oie Clau vc mencionou essa epoca da escola e lembrei hehehhe.... apesar da sua timidez eu acho que vc se deu mto bem naquela epoca ^^. O pessoal gostava de vc e eu tbm gosto \o ;)

    ResponderExcluir
  2. Brigadinha Cris! Fico super feliz com seu comentário! Saiba que te considero um amor de pessoa por ter me aturado por tanto tempo na escola! bjaoo

    ResponderExcluir
  3. AH logico que nao... foi mto gostoso ter estudado com vc ^^ Era mais divertido qdo vc dava risada das nossas brincadeiras hahahhaha

    ResponderExcluir

Deixe um comentário e faça alguém feliz! ♥